La Serena reúne história, porto, praia e mar gelado

La Serena é uma cidade da província de Elqui, capital da região de Coquimbo, litoral Norte do Chile. Com uma população de 211 mil habitantes, La Serena é parte de uma importante área turística do país, onde encontra-se o porto de Coquimbo. 

Veículos e pedestres compartilham o calçamento nas ruas centrais de La Serena, litoral do Chile. Click: Giovani Santos

Foi em uma casa confortável de paredes duplas em madeira pré-fabricada, que os chilenos chamam de “cabañas” e passam temporadas de férias, que nos instalamos no anoitecer de 22 de novembro, no balneário La Serena. 

Crianças se divertem na Plaza de Armas, em La Serena (CL). Click: Giovani Santos

A cidade é bastante agradável, com antigas palmeiras nas avenidas e uma orla convidativa junto à Avenida del Mar, onde fica o Faro Monumental La Serena (farol). No entanto, colocar os pés na água do mar é um desafio, pois é estupidamente gelada. É uma extensão do Deserto do Atacama e seu clima é semi-árido. 

Palmeiras embelezam avenidas de La Serena. Click: Giovani Santos

Junto ao porto de Coquimbo há uma área com bares e pequenos restaurantes, onde é possível experimentar um ceviche (nas peixarias é vendido em embalagens plásticas a preços bem inferiores aos dos restaurantes), peixes, crustáceos e ensaladas. 

O sol se põe sobre as águas geladas do Pacífico, em La Serena. Click: Giovani Santos

O centro histórico de La Serena mantém construções preservadas, como a Igreja de São Francisco, construída entre os séculos XIV e XV, e a Casa Museo Gabriel González Vilela. Fundada em 1544, é a segunda cidade mais antiga do Chile – a primeira é Santiago, capital do país. 

Ao som de sua flauta, indígena equatoriano leva música a transeuntes de La Serena, no Chile. Click: Giovani Santos
Iglesia San Francisco de Asis, a mais antiga de La Serena. Click: Giovani Santos

Serviço: O acesso a La Serena é feito pela Rodovia Panamericana Norte, com acesso no km 473. 

Farol Monumental de La Serena. Click: Giovani Santos

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *